25 abril 2014

(PROJETO CDT) Testemunho da Camila Nogueira.

Camila Nogueira: Oi meninas, vou contar a minha história sobre o câncer. Primeiro devo dizer que o câncer que eu tive, não foi dos piores, era do tipo que tem menos probabilidade de se espalhar pelo corpo se fosse removido a tempo. Eu tive câncer na tireoide, eu tenho hipotiroidismo desde que nasci. Com o hipotiroidismo descoberto na infância, eu sempre tive que fazer exames de controle, que no início eram frequentes, e conforme fui crescendo, o intervalo entre uma consulta e outra foi ficando maior. Na época, aqui em Ubatuba não tinha nenhum médico especialista em tireoide (endocrinologista) então eu viajava para São José dos Campos para levar os resultados de exame e fazer a consulta. Eu continuei a vida inteira com acompanhamento médico em São José, isso até o ano de 2010 quando o médico se mudou para Portugal. Eu tive que procurar outro médico, e nisso descobrimos que em Ubatuba havia uma médica endocrinologista que vinha uma vez por semana atender aqui, e eu comecei a me tratar com ela.
Como era paciente nova, mas já tinha o problema, ela pediu todos os exames de sangue de novo, e de urina, e também pediu um ultrassom da tireoide. Nesse ultrassom foi que descobri que havia 2 nódulos suspeitos na tireoide.Então a médica pediu que fizesse uma punção para avaliar o material. Para quem não sabe, a punção é feita com um tipo de seringa com agulha grossa pra sugar o nódulo, isso serve pra diminuí-lo e para pegar amostras para teste. Depois do teste, aguardamos o resultado sobre os nódulos. Para nosso medo, o resultado foi de “suspeita de malignidade” nesses casos, é preciso uma biópsia pra confirmação se é um tumor benigno ou se é um câncer (que é o maligno). Como eu teria que operar para fazer essa biópsia, a decisão foi fazer a cirurgia e já remover os nódulos, independente de ser benigno ou não. Foi uma complicação só, pois eu não tenho plano de saúde, e não poderia esperar o SUS pra resolver isso, ia demorar muito, então fizemos empréstimos para fazer a cirurgia no particular. Depois de decidido isso, fui no dia seguinte para Ribeirão Preto-SP, tenho família lá, então fiquei na casa da minha vó enquanto tentava conseguir marcar consultas e mais consultas que deveriam ser feitas pré-cirurgia, e também para conseguir marcar com o cirurgião de lá, que é famoso na região, então foi complicado conseguir.
Após fazer um 'zilhão' de exames pré-cirurgicos, finalmente eu fui pra “mesa”. Foi muito desesperador pra mim, só consegui relaxar mesmo por Deus, se não fosse isso era capaz de ter um troço só porque sou muito medrosa. A cirurgia durou 4 horas, foi anestesia geral e ocorreu tudo bem, nenhuma complicação. Eu lembro de alguns flashes depois da cirurgia, lembro da contagem da equipe pra me passar de uma maca para a outra. Lembro do enfermeiro colocando aquele negócio do meu dedo que fica monitorando os batimentos cardíacos, lembro de ter acordado passando mal da bronquite  e com alergia nos olhos e chamar o enfermeiro tranquilamente para me trazer remédios (coisa que não faria se não estivesse dopada). Depois de tudo, o médico disse que haviam mais de 20 nódulos espalhados entre o pescoço e tórax, e tinham tomado a tireoide e o timo (outro órgão que produz anticorpos enquanto somos crianças), eu já não tenho mais a minha tireoide e nem o timo. Todos os nódulos foram pra biópsia, e dois deles, aqueles vistos no ultrassom, eram câncer. Outra coisa importante, foi que o médico conseguiu remover os nódulos sem que eles tivessem contato com o meu sangue, isso evita a metástase (espalhamento do câncer pelo corpo). Enfim, depois da recuperação, tirada dos pontos, tirar aquele dreno do pescoço e me recuperar bem da cirurgia (e ganhar alguns quilos a mais) eu tive que fazer a cintilografia, que é basicamente um mapeamento do corpo com contraste pra saber se ainda tinha câncer em alguma parte do corpo.
Tive que ficar sem tomar os meus remédios, e sem comer nada que contivesse iodo. Todos os sintomas pioraram por não estar tomando o remédio, sentia sono o tempo todo, tive uma dor de cabeça que durou semanas, até o dia que fiz o exame e pude tomar o remédio de novo entre outros problemas. Graças a Deus e a equipe médica não sobrou nada desse câncer. Atualmente eu continuo com o acompanhamento médico, e de vez em quando faço um exame de sangue específico para saber se apareceu algo.

Confesso que no início foi desesperador...Mas, a partir do momento que eu aceitei o que tava acontecendo e entreguei de verdade nas mãos de Deus, eu me acalmei.
Antes disso eu ficava pensando: "Será que vai dar certo? Será que eu vou morrer? Acaba aqui? Será que a cirurgia não vai ter complicação? Será que vou ter alergia a anestesia?"
Várias coisas assim.
Mas, quando eu entreguei pra Deus eu pensei "Seja feita sua vontade Deus, o que acontecer eu sei que foi o Senhor que quis, e eu confio na sua decisão. Obrigada por cuidar de mim."
Depois disso, eu fiquei bem, senti um alívio, e não fiquei mais com medo durante a espera da cirurgia. Somente no dia da cirurgia que fiquei nervosa, mas é natural, entrar na sala de cirurgia, ver todas aquelas pessoas e tudo mais. Eu acredito que Deus cuidou de mim sim, desde o começo a cirurgia deu certo, não tive complicação, em 2 dias eu já tive alta (o médico disse que fui a paciente que se recuperou mais rápido). E eu acredito que mesmo isso não foi por acaso.


O quarto em que fiquei possibilitou de ver o pôr-do-sol desse jeito, todos os dias em que fiquei internada. Essa foto eu tirei lá.



Redes Sociais:

Blog: www.apenasumhobbie.com
Fan page: www.facebook.com/apenasumhobbie
Canal: www.youtube.com/user/ladybluemih
Instagram: instagram.com/bluemih
Twitter: twitter.com/blue_mih
Google+: plus.google.com/u/0/101139182826102817728

Se você deseja compartilhar o seu testemunho aqui no ER, é só entrar em contato.

E-mail: expectativasreaisblog@hotmail.com 
Fan Page: www.facebook.com/expectativasreaisblog?ref=hl




10 comentários:

  1. Que pôr-do-sol maravilhoso. O Câncer não é fácil, mas devemos sempre fazer como fez colocar nas mãos de Deus, ele sempre fará o melhor para nós.
    Bom fim de semana!
    Fica com Deus!
    Beijo!

    http://nannacunha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade... concordo com tudo o que você disse.
      Muito obrigada e uma boa semana para você ♥

      Excluir
  2. Belo testemunho, acreditar em Deus muda tudo
    Beijos
    http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muda mesmo. Ele é o melhor!
      Beijão.

      Excluir
  3. É preciso ser-se uma pessoa com muita força para não desanimar :) Espero que corra tudo bem a partir de agora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato! Eu também, mas se Deus quiser tudo vai ficar bem ♥
      Beijos Misc.

      Excluir
  4. Lindo o testemunho da Camila.
    As vezes nós ficamos tão aflitos mas aí Deus vem e nos dá esperança e tranquilidade.
    É muito lindo o carinho dele conosco e parabéns pra Camila por não ter desistido de lutar.
    Beijos meninas!
    www.llaranjas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindo mesmo, né?
      Ele faz desse jeitinho mesmo...
      Verdade.
      Beijão Lu ♥

      Excluir

Expectativas Reais
Layout desenvolvido por: Daniela da Silva
Tecnologia do Blogger