21 novembro 2016

Mentira perfeita (Resenha)


Título: Mentira perfeita 
Autora: Carina Rissi
Editora: Verus 
Páginas: 462
Estrelas: 

Nessa história temos a Júlia, uma mulher super esforçada, carinhosa, trabalhadora, que coloca sempre os outros como prioridade na vida dela, ela tem uma tia que está mais para mãe, chamada Berenice, que também é um amor de pessoa. Esta relação entre as duas me lembrou muito a minha madrinha e eu,e por isso eu gostei bastante deste lado da Júlia, porque nossos sentimentos são bem parecidos. Mas, voltando a história...
A Júlia anda super preocupada com a saúde da tia que precisa de um transplante de coração para . Um dia Tia Berenice acabou precisando ser socorrida e no hospital para acalmá-la, Júlia acaba inventando que estava namorando com um homem maravilhoso, daqueles que vemos só nos filmes de romance. Mas, felizmente a sua tia se recupera e gasta todas as suas economias,dando de presente à Júlia uma festa de casamento digna de uma princesa. Mas, como Júlia poderia dizer a verdade, sem causar fortes emoções em Tia Berenice?
Aí é que entra em cena o Marcus, um rapaz belíssimo, cadeirante, que está precisando de uma falsa cuidadora. Júlia precisava ganhar tempo e Marcus precisava provar que podia se virar muito bem sozinho...
O que vai surgir deste improvável acordo?
Mentira perfeita é um livro que anda sendo super bem falado por aí, e é claro que falando de romance, eu não poderia ficar de fora. Contudo, apesar de ter gostado muito do livro, teve alguns pontos que me desagradaram.
Eu não gostei muito da capa  e o título é ilusório, porque com certeza não existe uma mentira perfeita.
As letras no entanto, estão em um bom tamanho.
Porém, achei o livro muito extenso e acredito que dava para ter dado uma encurtada, o que acabou tornando-o um pouco cansativo pouco antes de chegar nas 300 páginas. 
Teve também um momento de tensão no final, que eu achei extremamente desnecessário.
Outro ponto que eu não posso deixar de citar, é que eu não gosto de ler livros com partes hots, gosto mais de uma história inocente, bem água com áçucar, podem me chamar de sem graça, mas eu sou assim, a minha fé influencia muito nos meus gostos.
A escrita dessa autora é muito boa e eu pretendo ler Procura-se um marido também. 
Mais um ponto positivo do livro é que é possível ver o ponto de vista tanto de Marcus, quanto o de Júlia, o que ajuda e muito na narrativa do livro.
Apesar de ter levantado uma porção de pontos negativos, eu achei a história divertida, cativante e sem falar que foi muito legal ver Marcus e Júlia se apaixonando.
As primeiras 250 páginas de Mentira perfeita, eu li sem conseguir parar de tão curiosa que eu estava para saber o que ia acontecer. Então é isso aí, beijão!

2 comentários:

  1. Eu ainda não li nada da autora, mas sempre vejo todo mundo elogiando os livros dela. Ainda não conhecia esse livro, mas a história parece legal! Também não curti muito a capa, eu, normalmente, não gosto de capas em que aparecem pessoas, sabe? Acho que tira um pouco da graça porque eu gosto de imaginar a minha personagem haha
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ❣

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A escrita dela é muito boa e a história de fato é interessante. Eu também não...
      Mas, o mais engraçado é quando me deparo com o personagem no cinema e penso "minha nossa, ele (a) não é assim".
      Beijos! ♥

      Excluir

Expectativas Reais
Layout desenvolvido por: Daniela da Silva
Tecnologia do Blogger